210 KM DE KART

210 KM DE KART

2º ENDURANCE NOTURNO 2017

210 km 4 HORAS DE CORRIDA.

REGULAMENTO:

ORGANIZAÇÃO E SUPERVISÃO:

Kartódromo RBC Racing

Versão em PDF

 1 – PARTICIPAÇÃO:

Para participar do Endurance RBC Racing, os pilotos deverão fazer as inscrições na secretaria do Kartódromo até dia 08 /09 /2017.

A taxa de inscrição será de R$ 1.100,00 (hum mil e cem reais) por equipe.

Estão cobertos com o pagamento da taxa de inscrição todos os gastos com a participação na prova: kart, pneus, combustível, fiscais de pista, macacão, capacete, pescoceira e luva.

A idade mínima para participar da corrida é de 14 anos.

Todos os pilotos deverão assinar o termo de responsabilidade antes da corrida.

Poderá participar da corrida qualquer piloto, não importando se é filiado a uma federação automobilística ou não.

A organização poderá cancelar a corrida se até a data limite para inscrição não houver no mínimo 20 equipes inscritas.

2 – É expressamente proibido trazer alimentos e bebidas para serem consumidos dentro das dependências do kartódromo.

3EQUIPES:

As equipes serão divididas em dois grupos:

1º Grupo: Equipes Master, para grupos com pilotos mais experientes.

2º Grupo: Equipes Light, para grupos com pilotos iniciantes ou menos experientes.

A organização definirá quais equipes devem se inscrever nas categorias Master ou Light.

Todas as equipes deverão fornecer o nome de cada piloto que irá competir.

4 – PROGRAMAÇÃO – DATA E HORÁRIO:

DATA: 22/09/2017

HORÁRIO:

18h00min. – 19h00min. – INSCRIÇÕES.

19h05min. – 19h40min. – BRIEFING E SORTEIO DOS KARTS

20h00min – LARGADA

5 – BRIEFING

SOMENTE PODERÁ PARTICIPAR DO BRIEFING UM INTEGRANTE DE CADA EQUIPE.

A equipe que não for representada por um de seus integrantes no briefing no horário marcado deverá largar no final do pelotão.

6 – NUMERO DE PARTICIPANTES:

O número máximo de equipes participantes será de 32 (trinta e duas) e o mínimo de 20 (vinte).

Cada equipe poderá ser formada com o mínimo de 2 (dois) pilotos e no máximo 5 (cinco) pilotos.

Um mesmo piloto poderá participar de mais de uma equipe do mesmo grupo de categoria.

7 – INDUMENTÁRIA OBRIGATÓRIA:

Capacete de proteção com viseira, luva e macacão, que poderão ser emprestados pelo kartódromo.

8 – EQUIPAMENTO: CHASSIS-MOTOR:

Será fornecido pela organização, através de sorteio na presença do piloto responsável, em horário estipulado pela organização.

A organização se reserva o direito de retirar um kart da prova por diferença de desempenho.

Fica proibido qualquer tipo de manutenção nos karts por parte das equipes.

9 – CRONOMETRAGEM:

Será obrigatória para todos os pilotos a utilização do sensor de cronometragem fornecida pela organização.

Se o piloto ingressar na pista sem o sensor, sua equipe será penalizada com a perda das voltas que não foram cronometradas.

10 – ABASTECIMENTO:

Os karts serão abastecidos pela organização com a mesma quantidade de combustível.

Caso o kart pare na pista por falta de combustível, a equipe será penalizada com a perda de 1 (uma) volta ao final da prova.

11 – PESO MÍNIMO DO PILOTO:

O peso mínimo base obrigatório do piloto será de 100 (cem) quilos, o piloto que não atingir este peso deverá usar lastros que serão fornecidos pela organização conforme tabela abaixo.

HAVERÁ TOLERÂNCIA DE ATÉ 500 GRAMAS A MENOS NO PESO DO PILOTO NA CONFERENCIA DAS PARADAS OBRIGATÓRIAS.

De 60 kg a 64,99 kg – 4 lastros de 10 quilos

De 65 kg a 69,99 kg – 3 lastros de 10 quilos e 1 lastro de 5 quilos

De 70 kg a 74,99 kg – 6 lastros de 5 quilos

De 75 kg a 79,99 kg – 5 lastros de 5 quilos

De 80 kg a 84,99 kg – 4 lastros de 5 quilos

De 85 kg a 89,99 kg – 3 lastros de 5 quilos

De 90 kg a 94,99 kg – 2 lastros de 5 quilos

De 95 kg a 99,99 kg – 1  lastro  de 5 quilos

De 100 kg acima não precisa usar lastro.

OBS.; O PILOTO QUE DESEJAR PODERÁ SOLICITAR MAIS LASTROS PARA GARANTIA CASO SEU PESO MÍNIMO ESTEJA NO LIMITE.

Os lastros deverão ser colocados no kart pelo próprio piloto da equipe.

OS LASTROS DE 10 QUILOS SÃO EXCLUSIVAMENTE PARA PILOTOS QUE PESAREM ATÉ 69,99 QUILOS.

O PILOTO DEVERÁ FICAR ATENTO AO PESO A SER COLOCADO NO KART, POIS TEREMOS 2 TIPOS DE PESOS.

Todos os pilotos que entrarem no box para cumprir a parada obrigatória ou por qualquer outro motivo deverá ser pesado.

A retirada e a conferencia dos lastros será de responsabilidade da organização.

Se faltar peso no ato da conferencia, a equipe sofrerá punições conforme abaixo:

Para cada lastro de 5 quilos faltante, perda de 1 volta

Para cada lastro de 10 quilos faltante, perda de 2 voltas.

A punição por falta de peso será imediatamente anunciada pelo serviço de som do kartódromo.

12 – PARADAS OBRIGATÓRIAS:

Todas as equipes deverão fazer no mínimo 5 (cinco) paradas

obrigatórias com 4 (quatro) minutos cada, ou seja, ao final da corrida todas as equipes deverão ter no mínimo 5 (cinco) voltas com no mínimo 4 (quatro) minutos cada.

Em uma das paradas obrigatórias, as equipes deverão trocar o kart comum por um Super kart.

O Super Kart não poderá ficar na pista mais de 30 minutos, a equipe que exceder o tempo máximo de 30 minutos será penalizada com a perda de 6 voltas ao final de prova.

A equipe que terminar a corrida e não tiver feito as 5(cinco) voltas com 4 (quatro) minutos cada estará automaticamente desclassificada.

Ao chegar ao box para a parada obrigatória, o piloto deverá descer do kart, passar pela balança para conferencia de peso, assinar a súmula, retirar a placa contendo o número de sua equipe e o sensor e passar para outro piloto que assumirá a condução do kart.

A parada obrigatória não será considerada se o piloto não assinar a súmula.

Não será permitido parar na pista para fazer o controle do tempo.

A equipe que for flagrada parando na pista para controlar o tempo de volta será penalizada em 1 volta.

Sempre que for entrar no parque fechado por qualquer motivo, o piloto deverá levantar a mão na entrada da reta principal sinalizando sua intenção.

AO FINAL DA CORRIDA, OS PILOTOS QUE ESTIVEREM NA CONDUÇÃO DO KART DEVERÃO SER PESADOS.

O PILOTO QUE DESCER DO KART SEM A AUTORIZAÇÃO DA ORGANIZAÇÃO AO TÉRMINO DA PROVA ACARRETARÁ NA DESCLASSIFICAÇÃO DE SUA EQUIPE.

13 – LARGADA:

A largada será no estilo LE MANS e será definida através de sorteio.

A formação do grid será do kart nº 1 em diante.

14 – PROVA:

A duração da prova será de 4 (quatro) horas mais uma volta.

Após 4 horas de prova, o diretor de prova estará com a bandeira branca agitada no posto de direção de prova sinalizando que a corrida já esta na última volta e, após a passagem de todos os karts, será mostrada a bandeira quadriculada de final de prova ao kart que estiver na liderança da prova, finalizando assim o endurance.

Em caso de paralisação por bandeira vermelha, o tempo não será reposto.

Se não houver mais condições de segurança para a continuidade da prova, a mesma se dará por encerrada. O resultado final terá por base a volta anterior aquela em que a prova tiver sido interrompida.

EM HIPÓTESE ALGUMA, SERÁ PERMITIDO UM KART EMPURRAR O OUTRO, MESMO SENDO KART COMUM COM KART COMUM OU SUPER KART COM COMUM OU COM O PRÓPRIO SUPER KART.

O KART QUE NÃO RESPEITAR ESSA REGRA SERÁ PENALIZADO JUNTAMENTE COM O KART QUE ESTIVER SENDO EMPURRADO

COM A PERDA DE 6 VOLTAS AO FINAL DA CORRIDA.

15 – PACE KART:

O pace kart entrara na pista entre 01h50min a 02h10min. de prova para realinhamento do pelotão e inversão do traçado.

A ENTRADA PARA O PARQUE FECHADO SERÁ FECHADA 5(CINCO) MINUTOS ANTES DA ENTRADA DO PACE KART.

O pace kart entrará na pista na frente do 1º colocado naquele momento da prova, os demais karts deverão segui-lo em fila indiana.

O pace kart permanecerá na pista para o realinhamento e inversão do traçado no mínimo 2 (duas) voltas ou mais se for necessário.

O pace kart poderá ainda ingressar na pista quando isso se fizer necessário por motivo de segurança (acidente ou para resgate de kart).

O tempo em que o pace kart estiver na pista a bandeira branca será mostrada no posto de direção da prova e, na entrada dos boxes, ficará um cone com uma bandeira vermelha proibindo a entrada de kart neste período.

APÓS A INVERSÃO DA PISTA, A ENTRADA E SAÍDA DO PARQUE FECHADO TAMBÉM SERÃO INVERTIDAS.

Não será permitido ultrapassar outro kart enquanto o pace kart estiver na pista, a equipe que não respeitar esta regra será penalizada em 1 (uma) volta.

Se houver quebra de kart durante o período em que o pace kart estiver na pista, o piloto deverá retirar a placa de identificação do numero de sua equipe e o sensor, encaminhar-se ao box, sem passar pela linha da cronometragem sortear um kart e voltar a pista, ou passar a placa de numero e o sensor para outro piloto de sua equipe que deverá sortear um kart e ir para a corrida. Se o piloto passar dentro da faixa de cronometragem, sua equipe será penalizada em 1 (uma) volta, nesta condição não será considerada como parada obrigatória.

16 – COMUNICAÇÃO PISTA E BOX:

É terminantemente proibida a utilização de qualquer equipamento de comunicação entre o piloto e sua equipe durante a prova, seja via rádio, telefone móvel ou qualquer outro equipamento de transmissão.

O descumprimento desta regra acarretará em perda de 1 (uma) volta para a equipe e, será comunicado através do serviço de som do kartódromo.

17 – TROCA DE PILOTO:

O piloto que chegar ao parque fechado para troca deverá parar o kart em frente ao cone, não podendo desviar ou tocar (derrubar).

Se o kart derrubar o cone, desviar ou tocar em outro kart (de maneira desleal) que estiver parado, a equipe infratora perderá 1 (uma) volta.

Sempre que o kart entrar no parque fechado, por qualquer motivo haverá troca de piloto e kart, exceto no caso previsto no item 14 deste regulamento.

18 – QUEBRA NA PISTA:

Em caso de quebra na pista, o piloto deverá tirar a placa de identificação do kart, retornar ao box sem passar pelo laço da cronometragem que fica em frente ao posto de direção de prova (faixa quadriculada), entrar no parque fechado, aguardar a conferencia do peso em seu kart por um fiscal de pista, nesse caso, ele poderá  passar a placa e o sensor a outro piloto de sua equipe, assinar a súmula e já efetuar uma das paradas obrigatórias ou retornar a pista com outro kart sem considerar como parada obrigatória de 4 minutos.

Se o piloto passar pelo laço da cronometragem, (área delimitada) a equipe perderá 1 (uma) volta.

O piloto em hipótese alguma, poderá pular a mureta dos boxes, caso isso ocorra, sua equipe perderá 1 (uma) volta.

19 – DA PARALISAÇÃO DA PROVA:

A prova poderá ser paralisada pelo diretor de prova em função de acidente, remoção de kart, bloqueio de pista ou outra situação de segurança, sendo apresentada a bandeira vermelha no posto do diretor de prova.

No caso de paralisação da prova, na entrada do parque fechado estará um cone com bandeira vermelha sinalizando que será proibido entrar no parque fechado naquele momento.

O kart que não respeitar e entrar no parque fechado deverá sair imediatamente e sua equipe receberá penalização de 1 volta ao final da prova.

No caso de paralisação da prova, os karts poderão ser recolhidos ao parque fechado ou agrupados na reta principal, onde permanecerão até que seja autorizado o reinício da prova, não sendo permitida qualquer manutenção ou reabastecimento.

No caso de haver necessidade de manutenção no kart neste momento, este somente poderá ser feito após o reinicio da prova.

A prova será reiniciada na ordem de classificação da volta anterior a paralisação, completando o tempo previsto no regulamento.

Durante o tempo de neutralização da prova, o tempo continuará sendo contado e não será acrescentado ao seu final.

Mesmo que não tenha sido completado 75% (setenta e cinco por cento) do tempo previsto para a prova, caso o motivo da interrupção da prova seja superior a 1 (uma) hora, a mesma será encerrada.

Não caberá recurso contra a decisão de interrupção ou encerramento da prova.

20 – PENALIDADES:

O piloto que for flagrado consumindo bebida alcoólica antes ou durante o evento estará automaticamente proibido de participar da corrida.

As equipes estarão sujeitas as penalidades abaixo, a serem aplicadas pela organização, em razão de infrações cometidas por seus pilotos e/ou integrantes:

  • 1ª advertência por conduta antidesportiva – 1 (uma) volta
  • 2ª advertência por conduta antidesportiva – 5 (cinco) voltas.
  • 3ª advertência por conduta antidesportiva – desclassificação.
  • Falta de peso na conferencia das paradas:

Cada barra de 5 quilos – 1 volta.

Cada barra de 10 quilos – 2 voltas.

  • Kart empurrando outro kart – 6 voltas – para os dois.
  • Super kart que exceder o tempo de 30 minutos – 6 voltas.
  • Falta de assinatura na súmula – parada não válida.
  • Parar na pista para controlar tempo – 1 volta
  • Transitar devagar na pista atrapalhando outros concorrentes para      esperar outro piloto – 1 volta
  • Atrapalhar a saída de kart concorrente do parque fechado – 6 voltas.
  • Tirar deslealmente o concorrente da pista para beneficio da equipe do mesmo grupo ou associação – desclassificação da equipe infratora e da equipe que for beneficiada por essa atitude.
  • Derrubar o cone na parada dentro do parque fechado – 1 volta

As penalidades serão informadas as equipes através do serviço de som do kartódromo.

21 – CASOS OMISSOS:

Qualquer alteração de última hora a este regulamento que venha a ser solicitado pelas equipes deverá ser feito através de votação.

A alteração somente será aceita caso a maioria das equipes inscritas estejam de acordo.

Qualquer ocorrência que não conste neste regulamento será avaliada e julgada pela comissão organizadora do evento.

22 – PREMIAÇÃO:

Troféus para os integrantes das equipes Master que chegarem do 1º ao 3º lugar e um troféu para as equipes que chegarem em 4º e 5º lugares.

Troféus para os integrantes das equipes Light que chegarem do 1º ao 3º colocados e um troféu para as equipes que chegarem em 4º e 5º lugares.

PODERÁ SUBIR AO PÓDIO PARA RECEBIMENTO DOS TROFÉUS APENAS TRÊS INTEGRANTES DE CADA EQUIPE VENCEDORA.

 

Vespasiano, 01 de JULHO de 2017.

Kartódromo RBC Racing.

 

 

 

.